fbpx
Vendas
Publicação em 12 de fevereiro de 2020

Modelos de comissões na revenda: qual estratégia é mais lucrativa?

Aumentar a produtividade da equipe de vendas da revenda de insumos agrícolas é um desafio e tanto, seja pela especialização que o agronegócio exige ou pela dificuldade de gerir uma equipe. Existem vários modelos de comissões que podem ser uma boa estratégia de engajamento!

Saiba que mesmo que a sua revenda seja pequena, é necessário ter todo esse controle e contar com uma boa estratégia!

Afinal, o ganho de comissões por vendas é frequente no mercado de agronegócios, para revendas agrícolas que estão procurando aumentar o volume de vendas, gerar mais lucro e reter bons colaboradores.

Contudo, é preciso analisar a melhor maneira para mantê-los motivados, com novos desafios e uma remuneração de acordo com o valor que geram para a empresa.

Fizemos um resumo de modelos de comissões e separamos as mais utilizadas no seu segmento. Confira:

3 modelos de comissões ideais para a sua revenda agrícola

Se o vendedor ficar um mês sem vender bem ou vender menos do que o mês passado, provavelmente, não conseguirá bater suas metas.

Durante anos de experiência com canais de distribuição de insumos, percebemos que o controle de comissões é indispensável e existem estratégias mais efetivas que outras. Confira qual delas se encaixa melhor na sua realidade:

1. 100% do salário revertido em comissão: estímulo ou desafio inalcançável?

O comissionamento 100% é uma forma de remuneração, principalmente quando se trata de vendedores autônomos que representam a revenda.

Ou seja, se não vende, não ganha.

Realizar o controle dessa maneira é efetivo? Essa é o melhor modelo de comissão?

Isso depende da sua revenda e da forma como cada vendedor atua. Vamos pensar nestes dois casos:

Para vendedores independentes, que trabalham com várias revendas ao mesmo tempo, esse sistema pode ser atrativo.

Contudo, se o vendedor trabalha exclusivamente para você e não consegue obter um volume satisfatório de vendas em determinado período, ele pode ficar desestimulado pela falta de rendimentos.

2. Salário fixo + comissão

Se você pretende manter os vendedores da sua revenda de insumos agrícolas mais seguros com relação aos ganhos, pode implementar um modelo misto de comissionamento.

Neste modelo, definimos metas para cada equipe, tipo de cliente e regiões que serão atendidos pelos representantes, e quais delas ficarão a cargo dos vendedores.

Essa estratégia é a mais adequada para as empresas que realizam a gestão da carteira de clientes e possuem uma base fixa recorrente de clientes compradores.

Com a estabilidade financeira garantida, ele se sente mais motivado a elevar os resultados e aumentam ainda mais os ganhos, vendas e qualidade!

3. Comissão progressiva: quanto mais, melhor?

A comissão progressiva serve como estímulo para que os vendedores busquem sempre superar as metas anteriores.

Nesse modelo você estabelece metas de vendas e percentuais de comissão diferenciados. Por exemplo:

  • 10% de comissão para vendas excederam 1 mil reais;
  • 15% de comissão para vendas excederam 2 mil reais;
  • E assim por diante.

Dessa maneira, nenhum vendedor fica sem receber seu comissionamento, mas os que vendem mais também têm seus benefícios garantidos.

Saiba como definir esses percentuais clicando aqui.

A comissão deve ser individual ou coletiva?

Para quem tem uma equipe de vendas formada, é possível ir além do comissionamento individual e implantar um modelo de comissão coletiva para quando a equipe bater ou superar metas de vendas como um todo.

Essa estratégia deve ser pensada para o estímulo do trabalho em equipe e pode render grandes oportunidades de negócio para a sua revenda apenas com maior engajamento por parte dos vendedores.

Mas como fazer a gestão da revenda, das vendas e ainda ter controle sobre as comissões?

A remuneração da equipe de vendas, o controle e os modelos de comissões a serem definidos é um assunto delicado, afinal, influencia diretamente na motivação dos vendedores, o que é determinante para o desempenho do distribuidor de insumos agrícolas.

Gerenciar todo esse processo através de uma solução que atenda os principais processos e necessidades do pequeno distribuidor, torna a gestão do negócio mais fácil, eficiente e segura.

E ainda permite que você estabeleça a política ideal a ser praticada, tanto para o pagamento de comissões quanto para adiantamentos, que podem ser utilizados para ajudas de custo.

Com essa solução, você conta com a flexibilidade necessária na definição de cálculos de comissões.

Afinal, quanto mais opções o distribuidor de insumos tem para configurar as comissões, por vendedor, produto, margem ou percentual de desconto, maior será o engajamento dos vendedores no momento das negociações.

Conheça a solução do Grupo Siagri que ajudará você a gerenciar o negócio e realizar o cálculo automático de comissões, análise da performance do vendedor e definição de metas clicando aqui!

Antes de implantar um modelo de comissionamento para a sua equipe de vendas, analise o que melhor se aplica à realidade da sua revenda.

Lembrando que as comissões devem ser definidas sem comprometer a saúde financeira do seu negócio.

Modelo de comissão definido? Então deixe claro para todos do time. Dessa maneira, você conseguirá um controle de comissões eficiente, que gere lucros para a empresa e estimule seus vendedores!

Marcos Souza

Marcos Souza

Coordenador da Consultoria AgroScore no Grupo. Há mais de 8 anos no Agronegócio, estruturo processos de Distribuidores de Insumos, Lojas Agropecuárias, Armazéns e Originação de Grãos.