Siagri

Quem atua no segmento de distribuição de insumos no Brasil sabe que um dos principais gargalos do setor é o controle de lote e validade dos produtos, o que acarreta, muitas vezes em perdas acumuladas com mercadorias falsificadas ou vencidas. Para facilitar o gerenciamento do estoque das revendas de insumos agrícolas, a SIAGRI lança o SIAGRI WMS Light, um software capaz de acompanhar todo o processo de distribuição, desde a fabricação dos insumos até o produtor rural.

O diretor de produtos da companhia, Eduardo Bitu, explica que o software utiliza o controle automatizado para a captura de dados, auxiliando o distribuidor nos processos de recebimento, devolução e expedição dos produtos.

O SIAGRI WMS Light possibilita a criação de uma identidade exclusiva para os produtos. "Queremos tornar cada embalagem única. Vamos personalizar os produtos com informações que facilitem sua rastreabilidade", afirma o diretor presidente da SIAGRI, Carlos Barbosa. O executivo ainda explica que o software atende a realidade do distribuidor agrícola brasileiro, dispensando altos investimentos em armazenagem.

Outra característica do software é a conformidade com a obrigação da logística reversa, presente na Política Nacional de Resíduos Sólidos (PNRS), que atende a Lei n° 12.305, de 2 de agosto de 2010. Na legislação, é obrigatória a coleta e a restituição dos resíduos sólidos ao setor empresarial, para reaproveitamento, em seu ciclo ou em outros ciclos produtivos, ou outra destinação. "Isso significa que será possível identificar embalagens de defensivos agrícolas, por exemplo, facilitando sua correta destinação", destaca Carlos Barbosa.

Projeto Piloto

O SIAGRI WMS Light, que chega ao mercado nesse mês, já foi testado e aprovado pela Cultura Agronegócios. A empresa, com duas unidades em Minas Gerais, aderiu à ideia de participar do projeto piloto com o objetivo de realizar a rastreabilidade dos produtos.

O planejamento para a execução do projeto começou em fevereiro deste ano, mas a sua aplicação prática foi iniciada em julho, na unidade de Patrocínio (MG), e em agosto na unidade de Patos de Minas (MG).

Apesar do pouco tempo de uso, o SIAGRI WMS Light já demonstrou resultados positivos, como a melhoria na gestão de estoque e armazenagem, no controle de lotes e prazo de validade dos produtos e na carga/descarga de mercadorias. "O software também nos dá uma segurança em casos de devolução, porque conseguimos ter certeza de que o produto que o cliente está devolvendo saiu dos nossos estoques" explica Israel Marques, coordenador de logística da Cultura Agronegócios.

Para Marques, o SIAGRI WMS Light conseguiu melhorar a eficiência operacional, os controles e a segurança dos produtos comercializados pela Cultura Agronegócios, identificando sua origem sempre. "Pretendemos continuar utilizando o software e esperamos que com o passar do tempo os resultados aumentem e nos satisfaça ainda mais".

 



Informações para a Imprensa
Race Comunicação
(62) 3587 3162

Comentários

Laércio

12 de Set de 2014

É uma ferramenta muito importante em todos segmentos da distribução desde a chegada até a originação final das embalagens, dessa maneira teremos um melhor controle e dificultaremos ao máximo o mercado paralelo.

Deixe seu comentário

Ops, ocorreu um erro!
Olhe os campos que estão vazios ou inválidos:

Preview do seu comentário

Seu Nome

Data de Postagem

Este é seu Comentário..