fbpx
Agronegócio
Publicação em 28 de abril de 2021

Como melhorar o atendimento ao produtor rural em sua agropecuária?

Compreender as necessidades do produtor e oferecer assistência especializada para que possa superar os seus desafios: esse é um dos desafios da agropecuária, onde o atendimento ao produtor rural deve ser uma prioridade.

Sejam pequenos produtores da agricultura familiar, sejam proprietários de grandes rebanhos, é na sua agropecuária que todos eles encontram soluções para manter a qualidade da produção e das atividades.

Mas será que apenas vender essas soluções aos produtores rurais é o suficiente?

A importância de um atendimento de excelência na agropecuária

Com um grande mix de produtos, as necessidades dos públicos atendidos se diferenciam entre si. E nesse sentido, conhecer o que o produtor procura na sua agropecuária é o primeiro passo.

Se você sabe que se trata de um produtor que não tem acesso a profissionais especializados e que precisa desse apoio em sua propriedade, oferecer as visitas técnicas agronômicas e veterinárias é um grande diferencial que também mostra a sua preocupação com a produção dele.

Dessa forma, cria-se uma relação de confiança entre produtor e loja, o que traz bons resultados para ambas as partes.

Além dessa dica, separei algumas outras para melhorar o atendimento ao produtor rural em sua agropecuária. Continue a leitura!

4 técnicas para melhorar o atendimento ao produtor rural na sua loja

1.Conheça o mercado da sua região e as necessidades

Não há como oferecer um bom atendimento ao produtor rural, sem conhecer o mercado da região em que a sua agropecuária está localizada.

Se a sua loja está em uma área em que a pecuária não é forte, talvez não faça sentido vender muitos produtos direcionados a esse segmento.

Agora se a região é conhecida pelo cultivo de grãos variados, ofereça produtos, como sementes, inseticidas, herbicidas, fungicidas, adubos e fertilizantes.

Desse modo, é importante compreender quanto tempo antes o produtor buscará tal produto, para que a loja não corra o risco de ficar sem ele no estoque.

2. Monitore o perfil do produtor rural

Mais do que conhecer o mercado, é importante saber quem é o seu potencial cliente: o produtor rural.

Esse conhecimento vai ajudar você a entender qual é a rotina do seu consumidor, de que forma ele trabalha, quem são os clientes dele, quais são as necessidades e até mesmo o que ele espera do seu negócio.

Alguma vez sua agropecuária já realizou uma pesquisa para identificar as necessidades que fazem seus clientes procurarem seus produtos?

Se a resposta foi negativa, organizar uma pesquisa pode ser uma opção.

Uma maneira rápida e fácil de realizar essa pesquisa é contando com plataformas on-line e gratuitas. No artigo sobre “fidelização de clientes”, nós explicamos passo a passo e indicamos algumas dessa plataformas. Basta conferir!

Outra opção é fazer a pesquisa de forma rápida na própria loja, durante ou após o atendimento no balcão.

Assim, você terá mais informações sobre seus clientes e saberá, com dados fornecidos por eles mesmos, que tipo de ação é mais aderente para os produtores que frequentam sua loja.

3.Invista na capacitação dos vendedores

Não tem nada pior para qualquer cliente do que ser atendido por alguém que não entende o seu problema.

E no caso dos produtores rurais isso é ainda mais crítico, já que o que está em jogo é a produção de todo um período ou alguma adversidade na sua criação.

Você sabia que, aproximadamente, 40% dos vendedores não sabem o que é, nem como identificar, a necessidade do cliente?

Pensando nisso, é indispensável investir na capacitação dos funcionários da sua agropecuária.

As relações com o pecuarista e o produtor rural não são mais as mesmas. São novos tempos, nova geração e novas demandas. Por isso, melhorar a performance da equipe de vendas da sua loja também é necessário.

Não é preciso que seus funcionários entendam tudo sobre determinado produto, mas é importante ter o apoio dos profissionais especializados como veterinários e agrônomos para personalizar o atendimento.

4.Aposte no pós-vendas

Se durante o serviço você resolver um problema a favor do seu cliente, as chances de que ele retorne a fazer negócio são de 70%. O número é o mesmo para a experiência de compra baseada somente na forma como é tratado, desconsiderando produto e preço.

Os dados da revista JMService, mostra a importância de um bom relacionamento antes, durante e após as compras.

Na prática, o atendimento de pós-venda consiste em orientar quanto ao uso dos produtos, ajudar em caso de utilizações inadequadas e trocar aqueles itens que vêm com defeitos e/ou que não atingiram as expectativas do comprador e assim por diante.

Nesse sentido, para a agropecuária, os benefícios dessa estratégia são diversos e podem impactar consideravelmente no aumento das vendas e, por consequência, do faturamento.

Algumas dicas para realizar o atendimento ao produtor rural no pós-venda de qualidade são:

  • Mantenha o contato com seu cliente após a venda, sem ter a atividade comercial como prioridade;
  • Tenha uma política de trocas que siga o Código de Defesa do Consumidor e a Lei específica para trocas, tendo em vista uma negociação eficaz, ágil e principalmente satisfatória;.
  • Crie programas de fidelização para que mais compras sejam realizadas pelo mesmo cliente nas demais épocas do ano;
  • Busque por inovação e ofereça isso ao seu cliente, seja no momento de atendimento, visitas ou quando ele voltar ao seu estabelecimento.

Todas essas dicas e muitas outras, você encontra completa no conteúdo do Blog Siagri sobre atendimento de pós-venda na loja agropecuária!

Percebeu como conquistar a confiança do produtor rural é essencial para manter a competitividade da sua agropecuária?

Com as dicas acima, você poderá melhorar o atendimento ao produtor rural na sua agropecuária, considerando o mercado, necessidades, pré e pós-venda!

Marcos Souza

Marcos Souza

Coordenador da Consultoria AgroScore no Grupo. Há mais de 8 anos no Agronegócio, estruturo processos de Distribuidores de Insumos, Lojas Agropecuárias, Armazéns e Originação de Grãos.