Como aplicar uma boa gestão de pessoas em fazendas?

Compartilhe

Uma boa gestão de pessoas em fazendas é prioridade para o produtor rural que deseja ter bons resultados. Saber como montar uma equipe e manter seus funcionários motivados faz parte das funções de um gestor.

Atrair e reter profissionais qualificados para atuar em negócios de produção agrícola está entre os maiores desafios do setor.

Para superar esta dificuldade, é importante que alguns conhecimentos estejam alinhados à rotina da fazenda e o produtor precisa ter metas e estratégias claramente definidas.

Tudo voltado para a produtividade da equipe, o aumento de ganhos e para o auxílio nas tomadas de decisões estratégicas.

Conceito de gestão de pessoas

A gestão de pessoas em fazendas vai muito além da rotina comum de relações entre chefia e funcionários. Dentro desta é preciso aplicar técnicas de seleção de colaboradores, programas de capacitação e desenvolvimento do capital humano do negócio.

Um dos pontos mais importantes de uma lavoura é o manejo. Por isso, as pessoas que realizarão esse trabalho em uma fazenda precisam ter todas as condições de realizá-lo com eficácia.

Cabe ao produtor estimular o desenvolvimento profissional de seus colaboradores, incentivando-os a evoluírem em suas habilidades dentro da propriedade. Um bom ambiente de rabalho contribui para a execução correta das tarefas e consequentemente influencia na produtividade.

Avaliar o desempenho dos profissionais e dar feedbacks, ter um plano de carreira para os funcionários, inserir programas de participação nos lucros da safra e disponibilizar equipamentos de proteção individual são boas práticas que o produtor pode realizar para aumentar o engajamento da equipe.

Esse é um trabalho diário, para que os funcionários se sintam sempre valorizados e reconhecidos e, por isso, deem o melhor de si para a empresa. Quando isso acontece, o objetivo principal da gestão de pessoas em fazendas é alcançado.

Pilares da gestão de pessoas em fazendas

Como citado acima existem diversas maneiras de fazer com que os trabalhadores de uma fazenda se sintam em um bom ambiente de trabalho. Mas, antes de passar para os pilares da gestão de pessoas é importante relembrar outros pontos.

Ter um bom planejamento do negócio de maneira geral é indispensável para aplicar a gestão de pessoas na propriedade. Para isso, é necessário fazer um levantamento dos pontos positivos e negativos de cada um dos funcionários.

Com isso, o gestor rural consegue traçar um objetivo para cada perfil de colaborador e destinar as funções que se encaixam melhor para cada um deles. O objetivo é aumentar o desempenho do grupo como um todo. Além disso, o produtor deve estar atento aos seguintes assuntos:

Motivação

A motivação já foi citada várias vezes neste texto, mas é um ponto bastante importante, por isso vale ressaltá-la. A verdade é simples: pessoas motivadas trabalham mais e melhor!

Imagine o seu negócio, qual é a maior motivação de seus colaboradores hoje para se manterem nele? Aplique políticas de reconhecimento pelos esforços do seu time, seja por meio de promoções, premiações, oportunidades de capacitação ou aumento de salários.

Comunicação

Uma comunicação clara e assertiva evita mal-entendidos e aumenta a confiança dentro de um negócio. Ter um sistema de comunicação interna pode fazer toda a diferença, além de unificar e padronizar as informações que devem ser transmitidas para a equipe.

Capacitação

Mesmo em negócios de pequeno porte, investir na capacitação dos funcionários é um bom caminho para melhorar o desempenho e a produtividade da equipe. Procure por cursos técnicos e comportamentais, que contemplem tanto funcionários do campo quanto de escritório.

Elabore um calendário, assim os profissionais ficarão mais motivados. Um bom recurso de capacitação são as ferramentas de Ensino a Distância, que oferecem treinamentos online, que podem ser realizados conforme a programação de data e horário de preferência do gestor.

União da equipe

Outro conceito muito importante dentro da gestão de pessoas em fazendas é o de trabalho em equipe. É importante ficar claro que as atividades realizadas em cada departamento convergem para um objetivo comum do negócio. Isso melhora e engajamento e evita competitividade dentro de um negócio rural.

Atributos de um bom gestor rural

Gerenciar uma equipe não é uma tarefa fácil, por isso o gestor rural deve se preparar para esse desafio. Para isso, é importante que ele se posicione como um líder e não só como um chefe. Líderes ensinam e orientam, enquanto chefes dão ordens.

Aqui no Blog Siagri, temos um conteúdo inteiro voltado para o papel de um gestor rural em uma fazenda. Leia!

Conclusão

A gestão de pessoas em fazendas, quando bem-feita, é capaz de impactar positivamente no desempenho e produtividade de todo o time de funcionários. Para isso, o gestor rural deve se atentar a diversos pontos: como motivação, capacitação, união da equipe e uma comunicação clara.

Um software de gestão, como o ERP AgriManager do Grupo Siagri, auxilia o produtor a gerenciar as atividades de seus colaboradores. Além disso, ele unifica os processos da fazenda em um só local, tornando as informações mais integradas e relações entre os funcionários mais dinâmicas.

Conheça o AgriManager, marque uma demonstração com um de nossos consultores gratuitamente.

Publicado por:
Arquiteto de soluções na Siagri com mais de 9 anos de experiência no agronegócio. Especialista em Ciências Contábeis e Sistemas ERPs.