4 tecnologias para implementar no seu Armazém de grãos

Em 2020, a produção de grãos atingiu 251,2 milhões de toneladas, mas apesar do saldo positivo, a armazenagem no país continua com um grande déficit, tanto em termos absolutos, quanto em comparação com outros países.

Por isso, seu Armazém de grãos precisa estar pronto para suportar a capacidade de crescimento a cada safra.

Essa capacidade impacta diretamente na lucratividade do Armazém, juntamente com um bom investimento em segurança, limpeza e processos mais ágeis.

Assim, é fundamental saber quais são as alternativas que você pode implementar para otimizar sua unidade armazenadora.

4 tecnologias para implementar no seu Armazém de grãos

Hoje, já é possível contar com tecnologias digitais de monitoramento e controle dos grãos, potencializando ainda mais os ganhos. As soluções vão desde o gerenciamento em tempo real até equipamentos tecnológicos, que ajudam a manter a agilidade em todo o processo de recebimento e exportação dos grãos.

Por isso, buscamos trazer algumas ferramentas que podem elevar a produtividade e capacidade de armazenagem do seu Armazém de grãos.

1.Balança automática

Um dos principais pontos de controle de um Armazém de grãos é, sem dúvidas, a balança rodoviária. Garantir que todos os veículos tenham seus pesos registrados de maneira correta é essencial para evitar riscos e fraudes.

Figura 1: Caminhão realizando a pesagem automática

Além disso, alguns modelos de balança automática permitem mensurar a rentabilidade da produção através da pesagem.

Possibilitam também ter o melhor custo de frete, sem risco de multas por sobrepeso, porque a balança calcula com precisão a capacidade máxima permitida do caminhão.

Hoje, já é possível automatizar todo o pátio, contando com as seguintes funcionalidades no geral:

Além disso, é possível realizar a integração da balança com um sistema de gestão, para que os dados sejam capturados e armazenados automaticamente.

Uma vez automatizados, esse processo se torna mais ágil e seguro, garantindo precisão e segurança para seu Armazém de grãos.

2.Coletor de amostra de grãos

A coleta da amostra de grãos é um dos primeiros passos e muito importante para que se tenha uma amostra representativa do lote de grãos, que indica com precisão a natureza, qualidade e tipo do produto a ser analisado e comercializado.

Ainda assim, muitos Armazém de Grãos ainda fazem o processo de coleta de amostras de maneira manual, com um calador graneleiro.

Mas como saber se o investimento em um coletor automático de amostras é necessário?

Para isso, responda algumas dessas perguntas:

  • Qual o tempo médio de permanência de um veículo em seu Armazém?
  • E o tempo de coleta das amostras?
  • Qual o tempo de classificação dos grãos?

Todas essas perguntas visam quantificar (R$) se um investimento em um coletor pneumático aumentará a produtividade da unidade, fazendo que mais caminhões sejam classificados em um intervalo menor.

Figura 2: Sonda pneumática fixa

Ou seja, esse equipamento melhora o fluxo de classificação e amplia a segurança operacional do seu Armazém de Grãos.

3.Ferramenta para aeração automática

A aeração de grãos armazenados promove a passagem de ar natural de baixo fluxo através dos grãos, com a finalidade de diminuir e homogeneizar a sua temperatura, para impedir a migração de umidade e, dependendo das condições climáticas, favorecer a secagem dos grãos.

Fazer a leitura da temperatura dessa massa de grãos de maneira precisa e fácil é fundamental para a segurança do Armazém.

Hoje, já existem no mercado ferramentas que auxiliam na aeração dos grãos, fornecendo:

  • Acionamento automático de ventiladores;
  • Redução do consumo de energia elétrica;
  • Avisos de inconformidade da massa;
  • Monitoramento 24 horas;
  • Acesso remoto às informações.

4.Software de gestão para Armazém de grãos

O Armazém de grãos necessita de eficiência, desde o recebimento à expedição dos grãos, e nesse cenário, a tecnologia se torna uma grande aliada.

Além disso, contar com um software para Armazém de Grãos é indispensável para continuar oferecendo a estocagem ideal, atendendo números tão altos.

Alguns dos benefícios ao investir em um Software de gestão para Armazém de grãos são:

  • Mais agilidade na gestão de filas e pátio;
  • Controle e gestão de processos;
  • Eficiência e produtividade;
  • Redução de falhas e fraudes;
  • Acompanhamento de resultados;
  • Automatização de processos manuais.

O ERP AgriBusiness oferece diversas funcionalidades para que o Armazém tenha eficiência do recebimento à expedição de grãos, com monitoramento direto do campo!

Além dos benefícios citamos acima, veja como o ERP Siagri pode te ajudar na gestão de armazéns gerais e cerealistas:

  • Administração de contratos de compra, venda, trocas e serviços;
  • Recepção e controle de pesagem de grãos;
  • Partilha e classificação de grãos;
  • Controle de royalties;
  • Transferência de saldo entre produtores;
  • Controle de fixações (compras e vendas a fixar);
  • Expedição de grãos;
  • Emissão automática de notas e romaneios;
  • E muito mais!

Como vimos, é fundamental saber quais são as alternativas que você pode implementar para otimizar seu Armazém de grãos. Por isso, contar com um fornecedor de tecnologia confiável, que ofereça transparência e agilidade é sua melhor opção! Conte com o Grupo Siagri, clique aqui e conheça nossas soluções.

Publicado por:
Coordenador de Consultoria em Gestão com mais de 10 anos de experiência no agronegócio. Especialista em Liderança e Gestão Empresarial e Processos Gerenciais e Administração de Empresas.