fbpx
Agronegócio
Publicação em 05 de outubro de 2020

ERP para fazendas: saiba se é o momento certo para investir

A gestão de uma propriedade rural já não precisa ser feita manualmente, afinal, acompanhar a produção agrícola, verificar o alcance de resultados e até saber o que pode ser melhorado ficou mais fácil com o avanço da tecnologia e a possibilidade de adoção de um ERP para fazendas.

Mas o que é um “ERP”?

Do inglês Enterprise Resource Planning, é um sistema de gestão que permite acesso fácil, integrado e confiável aos dados de uma empresa. A partir das informações levantadas pelo software, é possível fazer diagnósticos aprofundados sobre as medidas necessárias para reduzir custos e aumentar a produtividade.

E o melhor: já é possível contar com um sistema de gestão próprio para o agronegócio, permitindo o gerenciamento de todos os processos e atividades que envolvem sua fazenda.

Vamos entender melhor?

Por que um ERP para fazendas se o seu planejamento já é bom?

Porque ele pode ser melhor, mais eficiente, com menos erros e com maior lucro ao final do mês!

Com a utilização da tecnologia no campo, muitos recursos acabam contribuindo para o crescimento do agronegócio.

As inúmeras atividades e operações do agronegócio fazem com que fazendas necessitem cada vez mais de um sistema de gestão eficiente para gerenciar e automatizar tarefas e rotinas.

Ter uma safra produtiva não é o bastante para que ela seja lucrativa, afinal, não adianta alcançar alta produtividade se não acertar na armazenagem, na venda e, principalmente, no equilíbrio entre receitas e despesas.

O segredo está na rentabilidade. Obter um bom retorno sobre o que foi investido é o que leva essa atividade ao sucesso.

Os benefícios de um sistema de gestão para sua fazenda

A gestão de fazendas e propriedades rurais de uma forma geral pode ser um diferencial para a organização de processos, o controle de atividades e aumento dos lucros.

E é exatamente considerando a importância da gestão das propriedades rurais que separei os principais benefícios que todo produtor ganha com um sistema de gestão.

Eficiência operacional e manejo

Com um sistema de gestão específico para o agro, é possível incluir o controle das aplicações de materiais e o uso de insumos, como adubos, defensivos e sementes. Também envolve o estoque desses recursos e o controle de colheita, por exemplo.

Gestão e organização administrativa e financeira

Para obter a rentabilidade que citei acima, é indispensável ter controle sobre os aspectos financeiros e os processos.

Um ERP para fazendas atua nessa gestão porque favorece a visão sobre o fluxo de caixa, a contabilidade e a saúde financeira da propriedade.

Controle patrimonial

O fator patrimonial envolve o cuidado com os bens móveis e imóveis da fazenda e é um dos pontos mais importantes e preocupantes para os produtores, não é mesmo?

Com um sistema, é possível acompanhar a manutenção dos maquinários e equipamentos, além dos valores referentes à estrutura, como armazéns e silos.

Contar com um sistema ERP para fazendas é essencial para gerar informações importantes a partir do acompanhamento de atividades. Com esses dados, é possível tomar decisões melhores, o que aumenta as chances de sucesso desde o plantio da safra, até sua comercialização.

Gestão de estoque

Você já parou para pensar como sua fazenda pode render mais com uma boa gestão de estoque e compras?

A falta de produtos, os erros no controle de insumos e a ocorrência de custos extras são problemas que podem ser evitados com a gestão de estoque na fazenda.

Uma boa gestão de estoque requer o registro de dados precisos, controle da entrada, saída e devoluções de mercadorias dentre outras informações que são imprescindíveis para realização de um planejamento eficaz para o campo.

Planejamento de safra

Um bom planejamento da safra é o segredo da alta produtividade!

Antes do início da safra, deve-se planejar todas as operações que serão realizadas para o cultivo das culturas escolhidas, certo?

O processo de planejamento, as informações de safras anteriores, bem como as especificações de cada talhão, são fundamentais para a tomada de decisão.

Ter essas informações anotadas em diversos lugares, como em blocos de anotações, planilhas, mensagens via aplicativo, entre outros vários lugares, só irá causar confusão e até mesmo dados incorretos ou faltantes.

E como conseguir isso?

Com um sistema de gestão específico, você muda a maneira de visualizar o manejo utilizado na safra anterior e identifica quais ajustes podem ser realizados, otimizando processos e diminuindo custos.

O que avaliar ao contratar um ERP para fazendas?

Para ter sucesso na decisão, é fundamental ficar atento às características oferecidas pelo fornecedor, mas também conhecer as suas próprias necessidades.

Um ERP para fazendas, impacta diretamente no funcionamento das atividades de escritório e operacionais do campo.

Por isso, é muito importante que ele seja de fácil manuseio, ofereça completo controle, se adeque às necessidades da fazenda e seja, realmente, útil.

Alguns pontos devem ser levados em consideração neste momento de escolha, são eles:

Uso intuitivo e facilitado

Como produtor rural, você não deseja ter uma gestão da fazenda demorada, mas sim uma gestão simples e eficiente.

Afinal, menos tempo gasto preenchendo informações manuais, representa um tempo maior para cuidar da produção. E pensando por essa lógica, é essencial que a ferramenta seja intuitiva.

Uma ferramenta fácil de usar é vantagem não apenas para o gestor, mas principalmente para a equipe.

Afinal, adotar um sistema de gestão implica em mudanças que transformam significativamente todo o trabalho realizado na propriedade rural.

Flexibilidade de adaptação

Outro ponto interessante é que ele deve ser capaz de se adaptar às necessidades da propriedade rural. Por isso, antes de fazer o investimento, vale a pena estudar a fundo as rotinas do negócio.

Separei alguns questionamentos que você pode fazer quanto a esse assunto:

  • Quais processos manuais realizados em minha fazenda podem ser eliminados com a adoção de um sistema?
  • Existe uma ou mais atividades que poderiam ser executadas em menor tempo e melhorariam minha produtividade?
  • Os processos que faço manualmente podem ser padronizados e acessados em um local só?
  • Quais informações são essenciais e precisam ter um acesso facilitado no sistema?

E assim, você consegue adequar o ERP para fazendas à realidade do seu negócio no campo.

Controle gerencial

No controle gerencial realizado em um sistema, você terá a relação entre custos/resultados e as informações pontuais por atividade, fazenda, talhão ou variedade plantada, de forma rápida e fácil.

Além disso, você tem um controle maior dos seus processos como um todo, como pedidos, entrada e devolução da safra e toda a análise dos processos relacionados ao controle agrícola.

Controle fiscal

O produtor precisa estar em dias com a legislação e ter um controle fiscal seguido à risca. Contar com um sistema que atenda a todas as exigências da legislação fiscal brasileira pode ser uma ótima escolha.

Conte com aquele que entregue obrigações, como:

  • LCPDR;
  • SPED Contábil e Fiscal
  • NF-e Produtor Rural;
  • MDF-e e outros mais.

Assim, ciente dos custos e resultados das atividades, você adquire a capacidade de tomar decisões complexas em menos tempo, o que torna a gestão econômica e fiscal da propriedade mais clara e profissional.

Possibilidade de integração com outras plataformas

Para que seja possível ter um controle completo de toda a cadeia de produção, é preciso contar com um sistema que entregue informações para todos os níveis de gestão.

Afinal, sem dados concretos, não há como tomar boas decisões.

Ou seja, essa integração com outras ferramentas de análises pode fazer a diferença para o campo e deve ser um ponto a ser avaliado ao investir em um sistema de gestão para a sua fazenda.

Conclusão

Como viemos falando até aqui, é preciso considerar a automatização e melhoria nos processos da sua fazenda se você quer e precisa de maior controle e resultados.

Por isso, a última dica que dou a você é: busque um fornecedor de sistemas que tenha experiência no agronegócio, pesquise por cases de sucesso e saiba o que estão falando sobre essa empresa e os serviços oferecidos.

Agora, você já tem inúmeros motivos para investir em um ERP para fazendas. Se quiser saber mais sobre, conte com o Grupo Siagri. Clique aqui e solicite uma demonstração.

Cicilio Manfroi

Cicilio Manfroi

Arquiteto de Soluções no Grupo Siagri há mais de 8 anos. Responsável pela estruturação de oferta do ERP AgriManager de encontro com a produção agrícola, beneficiamento de sementes e beneficiamento de algodão.